Quinta-feira, 24 de Fevereiro de 2011
Fanzine Zérie B ao vivo, hoje na linha verde do Metro

 

Apanhei a linha verde do Metro, de uma ponta à outra, e como estava cansada fechei os olhos e fiquei só a ouvir música. Quando voltei a abri-los estava ao meu lado uma rapariga a fazer um desenho espectacular e não resisti a meter conversa para saber o que estava a fazer. 

 

 

Estava a desenhar uma Fanzine, que é uma arte de rua e consiste em fazer desenhos que depois são fotocopiados e deixados ao acaso, como se fossem manifestos ou pequenos livrinhos. A moda começou nos anos 30, justamente como expressão reivindicativa, mas converteu-se também numa expressão artística. Esta fanzine era a capa de uma revista com o nome Zérie B e, por isso, está cheia de robots e personagens estranhos.

 

 

Subimos as escadas do Metro juntas para tirar esta fotografia à luz do dia. A artista chama-se Ana Godinho, é formada em Estudos Portugueses, faz traduções e começou a fazer estas fanzines num workshop onde julgo que está agora, à hora em que escrevo. O portfolio da Ana Godinho pode ver-se aqui. Gostei muito dos desenhos dela e adoro estes encontros na rua e no Metro.

publicado por Laurinda Alves às 17:47
link do post | favorito
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



.pesquisar
 
.tags

. todas as tags

.posts recentes

. MUITO OBRIGADA A TODOS PE...

. CURSOS DE COMUNICAÇÃO NO ...

. Curso de Comunicação adia...

. Se tiver quorum ainda dou...

. O BENTO E A CARMO HOJE EM...

. HOJE NO PORTO: SOBREVIVER...

. MÃES QUE NÃO CHEGAM A VER...

. Esta miúda vai longe!

. Alegria!

. Ladrões e cavalheiros

.arquivos
.mais sobre mim
.subscrever feeds