Quarta-feira, 17 de Novembro de 2010
Pai e filho

 

Memória de um momento muito especial entre pai e filho: o lançamento de um livro feito a 4 mãos, com textos do pai e fotografias do filho.

 

 

O Martim assumiu publicamente que este livro vale acima de tudo pela viagem e pela cumplicidade entre dois homens que se conhecem muito bem e são grandes companheiros de viagem. Confessou-se apenas um apaixonado por fotografia, sem a pretensão de ser julgado como fotógrafo e com o maior respeito pelos profissionais. Tinha 17 anos quando fez uma viagem ao sul de África com o pai e tirou as fotografias que agora ilustram o livro que tem como título a expressão zulu para 'Manhã Africana'. Não tenho distância crítica para falar deste livro. Só posso dizer que gosto muito e que me comove.

 

 

Na escuridão desta imagem conseguem ver-se alguns dos melhores amigos do Martim, e adivinhar-se os contornos dos que ficaram na zona de sombra. Quem os conhece sabe distingui-los e reconhece-os mesmo sem os ver. Gosto de todos eles como se fossem meus filhos.

publicado por Laurinda Alves às 23:53
link do post | comentar | favorito
15 comentários:
De Marcolino a 18 de Novembro de 2010 às 00:19
Querida Laurinda,
O vosso filho Martim tem dentro de si, raizes de duas familias, intelectualmente muitissimo dotadas, além de primarem pela inteligência!
Parabéns ao Martim e aos seus Pais!
Abraço
Marcolino
De Laurinda Alves a 18 de Novembro de 2010 às 00:52
Muito querido e muito generoso da sua parte, Marcolino. Obrigada. Um abraço.
De Mariana Veloso a 18 de Novembro de 2010 às 02:07
Querida Laurinda,

já não comento há imenso tempo, apesar de continuar a passar por aqui diariamente. Hoje, no entanto, depois de ver e rever estas fotografias, não resisto.
O Martim é um rapaz muito bonito, isso é óbvio. Mas é também mais do que isso. Há qualquer coisa no rosto dele que me transmite uma serenidade e uma paz que não consigo explicar, e isso comove-me. É uma sensação estranha, pois não o conheço, a não ser pelas fotografias que vou vendo.

É com certeza um filho muito especial e (bem) amado. Parabéns!

Beijinho tripeiro*

(Vou estar atenta ao livro. Depois digo o que achei ;) )
De viguilherme a 18 de Novembro de 2010 às 08:27
É um belo baptismo esta iniciação de Martim na fotografia pela mão do pai e pela mãe e de amigos .....pessoas que o têm acompanhado na viagem /descoberta e em criação de vida .....as imagens documentam entre sombras lilases e azuis teluricos parte dessa iniciação em franca confraternização ......a beleza do escondido e do subentendido nessa luz coada das imagens é surpreendente ......que essa viagem por mundos a desbravar seja um novo trilho no saber ser e estar ........Parabéns
De Carmen Sequeira a 18 de Novembro de 2010 às 09:44
Laurinda, muito bonito. Vontade de dizer, quando os meus creceram quero que sejam assim . Estou a brincar,Quero que sejam eles próprios e muito felizes, é isso que todos os pais desejam para os seus filhos. Mas é tão bonito ver essa cumplicidade de pai/fillho e mãe/filho e filho/mãe e filho/pai, que é o desejo de qualquer pai/mãe. O Martim é um Belo rapaz, mas percebe-se também que é muito bem Amado pela familia e amigos e isso para mim é essencial, acho que tudo o resto virá, e no caso do Martim, já está a vir ao de cima. Que a vida lhe sorria. Parabéns aos pais e ao Martim e muitas felicidades. Grande Beijo Carmen
De msf a 18 de Novembro de 2010 às 10:25
E consegue ver-se na ultima foto, para além dos melhores amigos do martim, uma mãe babada. Parabéns Laurinda. Muitos queridos os dois, ~filho e mãe.
Ass: também eu sou mãe de 3 adoraveis criaturas!
De Fernanda Matias a 18 de Novembro de 2010 às 11:46
Querida Laurinda

Tem razões mais que suficientes para ficar muito orgulhosa com a obra de Pai e Filho, O seu filho vai , seguramente, honrrar os Pais que lhe transmitem o prazer da arte, do ser. Para além de tudo o Martim é muito bonito e transpareçe uma imagem de serenidade com ele e com a vida.

Muitas Felicidades para os Pais e para o Martim.

Fernanda Matias
De Ana Deslandes a 18 de Novembro de 2010 às 12:29
Laurinda, já viu esta pequena/grande maravilha? http://www.youtube.com/watch?v=iCxb7C-mE4U&feature=related
Pelo que sei era colega do seu filho... devia ser uma bela turma de artistas!!
Bj, Ana
De Raquel Martins a 18 de Novembro de 2010 às 17:42
Muito sucesso para o livro! É sem dúvida um momento especial, que vai ficar marcado no coração de vocês 3! Admiro o respeito e a união do momento. Há laços que unem para sempre! Parabéns pelo projecto!
De mundosdesofia a 18 de Novembro de 2010 às 20:10
Estou ansiosa por ler o livro mas mais ainda por ver as fotografias, Para mim os "apaixonados de fotografia" conseguem fotogafar de uma forma mais realística. Parabéns também para si. Um beijinho
Sofia
De Teresa Lopes a 18 de Novembro de 2010 às 20:25
Comove...
Pois é, Laurinda, como é maravilhosa esta capacidade de nos comovermos com as coisas belas. E como é maravilhosa esta coisa única que é o amor pelos Filhos... cresce todos os dias, mais e mais... enche-nos o peito, lava-nos o rosto por dá cá aquela palha.
Ter filhos "grandes" dá-nos a vantagem de já termos vivido tantas alegrias. Mas todos os dias os admiramos como se os olhássemos pela primeira vez.
No caso do Martim, posso imaginar o orgulho de ver uma cria tão bem criada, tão amada, visivelmente feliz.
Estão de parabéns Pai, Filho e esta Mãe extraordinária.

Um grande beijinho, Laurinda.
Até breve :)

Comentar post

.pesquisar
 
.tags

. todas as tags

.posts recentes

. MUITO OBRIGADA A TODOS PE...

. CURSOS DE COMUNICAÇÃO NO ...

. Curso de Comunicação adia...

. Se tiver quorum ainda dou...

. O BENTO E A CARMO HOJE EM...

. HOJE NO PORTO: SOBREVIVER...

. MÃES QUE NÃO CHEGAM A VER...

. Esta miúda vai longe!

. Alegria!

. Ladrões e cavalheiros

.arquivos
.mais sobre mim
.subscrever feeds