Quarta-feira, 10 de Novembro de 2010
Voltei ao IMP e aos pratos coloridos da Geninha Varatojo

 

Voltei ao IMP ( http://www.e-macrobiotica.com/)  onde não ia há imenso tempo e reencontrei a Geninha e o Francisco Varatojo, de quem sou amiga há décadas. Adoro a cozinha da Geninha, os seus pratos macrobióticos coloridos e criativos. Por causa dela e da sua maneira original de cozinhar (e também por causa dos ensinamentos do Francisco) fui praticamente macrobiótica durante 3 anos da minha vida. Nunca cheguei a ser inteiramente vegetariana nem inteiramente macrobiótica, mas integrei esses dois regimes alimentares na minha dieta e devo dizer que me senti lindamente com essa espécie de desintoxicação. Agora, que moro mais perto do IMP, vou lá voltar de vez em quando. Apetece-me sempre comer a comida da Geninha e é uma festa estar com ela e com o Francisco, fundadores do Instituto Macrobiótico de Portugal. São amigos especiais e pessoas muito completas que deixam uma marca muito impressiva e feliz em todos os que se atravessam no seu caminho. A Geninha publicou um novo livro de receitas há pouco tempo e mal possa deixo aqui a fotografia do livro. A que tirei hoje ficou péssima e seria uma pena queimar o assunto desta maneira.

publicado por Laurinda Alves às 22:49
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
.pesquisar
 
.Feitos em Portugal

Feitos em Portugal

.tags

. todas as tags

.portugueses sem fronteiras
.posts recentes

. Voltei ao IMP e aos prato...

.arquivos
.mais sobre mim
.subscrever feeds