Quinta-feira, 21 de Outubro de 2010
Ninguém evolui em linha recta

 

Continuo por aqui, a transcrever as gravações que fiz na semana passada em Bruxelas, e passo mais de 10h por dia sentada ao computador, tempo amplamente compensado pela alegria de rever e re-ouvir o pe Alberto de Brito. Felizmente hoje em dia gravo sempre som e imagem e isso não só facillita incrivelmente as 'desgravações' como, neste caso, tem esse plus de ver alguém de quem gosto tanto e com quem aprendo muito. Hoje estou num capítulo sobre a evolução pessoal e deixo aqui uma grande verdade que parece óbvia mas nem sempre é assim tão evidente: "Ninguém evolui em linha recta. Tudo cresce e progride com avanços e recuos. A linha recta é uma abstracção, só existe na nossa cabeça". É bom recordar certas verdades elementares, até para nos ajudar a não criar falsas expectativas sobre nós e os que estão à nossa volta.

publicado por Laurinda Alves às 14:36
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
Terça-feira, 19 de Outubro de 2010
A Grécia aqui tão perto

 

A capela da Senhora da Rocha ao entardecer. Fui com o meu pai dar um passeio até à ermida e andámos por ali a pé. Os muros brancos, caiados, as árvores podadas, o mar e as escarpas são uma beleza. Esta tarde este lugar fez-me lembrar a Grécia.

 

 

 

publicado por Laurinda Alves às 19:44
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
.pesquisar
 
.Feitos em Portugal

Feitos em Portugal

.tags

. todas as tags

.portugueses sem fronteiras
.posts recentes

. Ninguém evolui em linha r...

. A Grécia aqui tão perto

.arquivos
.mais sobre mim
.subscrever feeds